home Dicas COMO FAZER SEU CACHORRO LATIR MENOS – DICAS

COMO FAZER SEU CACHORRO LATIR MENOS – DICAS

Como Fazer seu Cachorro Latir Menos2COMO FAZER SEU CACHORRO LATIR MENOS – DICAS  – Este sendo um método de aprendizado, ou seja, você tem que ensinar o seu cão a latir menos, ou só em ocasiões especial. A maioria dos nossos cães, com algumas exceções, são guardião do nosso quintal, e devem sim se expressar com latidos, nos avisando de alguma novidade adversa ao nosso dia dia.

E isso é feito através do seu latido, mas quando os mesmos começa a se exceder, nos latidos, tem algo errado, ou com você ou com o seu cão. E isso tem que ser verificado, ou seja, a liderança esta dividida. Os cães são animais, que na sua natureza, são criados em bando, e geralmente em toda matilha, existe um líder, e geralmente os lideres que comandam os latidos, ou seja no bando ou na matilha, quem comanda os latidos são os lideres. E em se tratando de cães, ou cão caseiro, esta liderança, estando com os donos da casa.

Principais Motivos de Latido Excessivo

Latido de tédio

Quando o cachorro é deixado sozinho, ou sem fazer nada o dia todo.

Latido territorial

O cachorro late para defender seu território, de algum estranho ou outro animal.

Latido de atenção

Quando o cachorro late para chamar a atenção do seu dono.

Latido de alerta

O cachorro late, para alertar ao seu dono, que algo está errado com a casa, ou com alguém.

Latido de “oi” ou felicidade

Quando o cachorro late, para recepcionar visitas, ou quando o dono chega em casa.

Latido compulsivo

Quando o cachorro late excessivamente e repetidamente (muitas vezes por motivo nenhum, ele late pro nada).

Latido causado somente pela presença de outro cachorro

Quando o cachorro late para outros cachorros só de ouví-los, mesmo que estejam na rua e ele em casa

publicidade

Como fazer o cachorro latir menos

 Exercício e atividades

Cães sem atividades, tendem a desenvolver muito mais problemas comportamentais, inclusive latir em excesso. Procure exercitar o cão diariamente, com brincadeiras, adestramento e passeios.

Brincadeiras aeróbias são as mais recomendadas, pois provocam relaxamento mental e físico, além de alterarem alguns neurotransmissores cerebrais, funcionando de maneira semelhante a um antidepressivo.

Ampliar a comunicação

 Cão que só sabe pedir latindo fica mais ansioso e aflito quando é impedido de usar essa forma de comunicação. Por isso, estimule o seu cão a usar outros sinais para manifestar as vontades dele. Para tanto, passe a atender os sinais alternativos usados pelo cão, aos quais você não dava atenção.

Como quando ele põe a pata no seu colo para pedir carinho ou fica olhando para a maçaneta para alguém abrir a porta. Novos comportamentos comunicativos podem ser ensinados, como trazer a guia na boca para mostrar que quer passear ou cumprimentar, para ganhar petisco.

Repreender erros

É essencial que o cão não consiga o que deseja quando está latindo. A vontade dele nunca deve ser satisfeita enquanto faz algo considerado errado. Uma boa ajuda para controlar os latidos é associá-los com algo desagradável, como um gosto amargo na boca ou um susto.

Atenção: se você tiver mais de um cão, cuidado para não assustar os outros cães com a punição, principalmente se forem medrosos ou tímidos. Nesses casos, dê preferência para o spray de água – ele pode ser direcionado para o cão latidor, sem afetar os demais.

Estimular a não latir

Procure, sempre que possível, recompensar os comportamentos corretos. Isso inclui não latir. Crie situações nas quais o cão normalmente latiria, como tocar a campainha da porta, e recompense-o com um petisco se ele não latir.

E, se latir, repreenda-o imediatamente, fazendo algo desagradável para ele. Como resultado, muitos cães, ao ouvir o toque da campainha, correm na direção do proprietário e pedem petisco em vez de ficarem na porta latindo. Estimular um novo comportamento, em vez de apenas reprimir o comportamento indesejado, controla muito mais facilmente o cão agitado ou excitável demais.

Vídeo sobre Como Fazer seu Cachorro Latir Menos

publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *